Quadrilha assalta agência bancária e faz gerente refém, em Tucumã

Redação Por: Redação

Segurança Novidades

215 Visualizações

Publicado em 21/12/2018 12:57h

Quadrilha assalta agência bancária e faz gerente refém, em Tucumã

Foto: Reprodução

A agência do Sicredi em Tucumã, na PA-279, foi alvo de assalto na manhã desta sexta-feira (21). O assalto, na modalidade conhecida por “sapatinho”, aconteceu tão logo o banco abriu. O gerente da agência teve a casa invadida ainda na noite de ontem (20), ficando refém dos assaltantes, junto com a família.

Os bandidos passaram a noite na residência e, nas primeiras horas de hoje se dividiram. Uma parte da quadrilha ficou com os familiares do gerente, enquanto este e um dos assaltantes se dirigiram à agência.

Segundo as informações que chegam do município, os assaltantes levaram cerca de R$ 140 mil, mas o banco não se manifestou ainda sobre o assalto. Assim que deixaram o banco, os bandidos avisaram os colegas que continuavam com a família do gerente, que imediatamente deixaram a residência.

Imagens de câmeras de segurança próximas ao Sicredi registraram duas picapes Toyota Hilux estacionadas no local. A Polícia suspeita que os carros foram utilizados na ação criminosa, mas ainda não tem confirmação disso.

Tão logo terminou o assalto, o gerente do banco se dirigiu à delegacia do município para relatar a ocorrência. Em seu depoimento, o gerente contou que na noite de ontem ele, sua mulher e sua filha de um ano e seis meses de idade foram a um supermercado da cidade. Quando retornaram à sua residência, foram surpreendidos por um homem armado que fez a todos reféns.

Em seguida, um dos envolvidos mandou que abrisse o portão da garagem para que os demais membros da quadrilha pudessem acessar o imóvel. O gerente e sua família foram trancados em um quarto da casa pelo primeiro bandido e, por isso, disse à autoridade policial que não sabe precisar o número de assaltantes que esteve no local.

Durante toda a noite, segundo o relato da vítima, os bandidos fizeram pressão psicológica contra a família sequestrada. Como é comum nesse tipo de assalto, os bandidos ameaçavam matar a mulher e a filha do gerente, caso algo desse errado durante a ação.

A quadrilha fugiu, tomando rumo ignorado. As Polícias Civil e Militar estão diligenciando na tentativa de capturar os assaltantes, mas, até o fechamento da matéria, não havia pista da quadrilha.

Fonte: Blog do João Carlos com informações de Jucelino Show

Comentários

Deixa seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Araguaia - Blog de Notícias