Número de famílias atingidas por fortes chuvas em Redenção sobe para 320, diz Defesa Civil

Redação Por: Redação

Segurança Novidades

367 Visualizações

Publicado em 29/11/2018 10:36h

Número de famílias atingidas por fortes chuvas em Redenção sobe para 320, diz Defesa Civil

Foto: Reprodução / Arquivo / Agência Pará

A prefeitura de Redenção, sudeste do Pará, deve declarar situação de emergência para ter apoio do governo federal e investir na recuperação da cidade, depois que fortes chuvas terem causado prejuízos a moradores e à estrutura da cidade. A BR-158, pontes, casas e postos de energia elétrica foram atingidos. Segundo a Defesa Civil, já são 320 famílias afetadas até a noite desta quarta-feira (28).

A forte chuva caiu na noite de segunda (26) e três represas estouraram. Durante levantamento nesta quarta, a Defesa Civil disse que será feita recomendação formal a proprietários das represas, para que haja reconstrução até que seja apresentado o projeto técnico ao governo do estado.

Durante as obras de reparo na rodovia BR-158, o trânsito era liberado lentamente e interrompido para que máquinas pudessem trabalhar no local onde uma cratera foi aberta pela força da água. A previsão é que o trabalho seja concluído na sexta-feira (30).

Segundo moradores, a água atingiu o nível das casas. A prefeitura informou que está fazendo um levantamento dos prejuízos.

De acordo com Wilker Muniz, da Defesa Civil, a prefeitura deve declarar a situação de emergência depois que "tiver todos os dados dos prejuízos para saber o que pode feito e ajudar as famílias atingidas e a infraestrutura".

A Defesa Civil Nacional informou que também disponibilizou o apoio do governo federal ao município de Rondon do Pará.

Doações

A Defensoria Pública do Estado informou que está funcionando como ponto de doações de água potável, roupa de cama, roupas e alimentos não perecíveis.

De acordo com o órgão, as pessoas atingidas podem procurar a sede do Núcleo Regional Araguaia, localizado na av. Wilma Guimarães Penna, no setor Parque dos Buritis II, para solicitar segunda via de documentos que tenham sido perdidos nos alagamentos.

Fonte: G1 PA

Comentários

Deixa seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Araguaia - Blog de Notícias